quinta-feira, 12 de janeiro de 2017

FALSO REPÓRTER É PRESO APLICANDO GOLPES NO COMÉRCIO E FALSIFICANDO ASSINATURAS.

Um homem de 34 anos foi preso suspeito de atuar como falso repórter para aplicar golpes em estabelecimentos comerciais de Bezerros, no Agreste de Pernambuco. Ao G1, o delegado Humberto Pimentel informou que o suposto criminoso tinha um crachá falso e falsificava a assinatura de um vereador para cometer o crime. O caso ocorreu na quarta-feira (11) e foi divulgado pela polícia nesta quinta (12).


"[Ele] se hospedava em hotéis e falsificou a assinatura de um vereador [em um posto de combustíveis] para abastecer seu veículo. Ele procurava políticos e vendia matérias para mostrar que eles [os políticos] eram os mais votados e mais atuantes", detalhou o delegado. O suspeito é natural de Araguaína, no Tocantins, e aplicava golpes em Pernambuco e no Maranhão, conforme informou a políciaDe acordo com o delegado Humberto Pimentel, o falso repórter afirmava trabalhar na empresa "Folha do Estado" e possuía um carro identificado como sendo do veículo de comunicação - que não existe.



"Ele abriu uma empresa no Tocantins com um CNPJ no nome da mulher dele, mas utilizava o número do documento para atuar como repórter e realizar pesquisas eleitorais sem registro", explicou Pimentel
.
G I - pernambuco.

Nenhum comentário: