quarta-feira, 14 de junho de 2017

MOSSORÓ REGISTRA MAIS UM CRIME DE O 116º DE 2017.

Local da Execução
Na tarde desta quarta feira, 14 de junho de 2017, a Central de Operações da Policia Militar, foi informada por moradores da Rua Vicente Fernandes no Bairro Nova Betânia em Mossoró, Oeste do Estado do Rio Grande do Norte, que ao lado da sede do ITEP tinha uma pessoa caída no chão com ferimentos de arma de fogo. Quando os militares da Rádio Patrulha 234 e Força Tática do 2º BPM chegaram ao local, já encontram a vitima em estado de  óbito. 
FELIPE RODOLFO DA SILVA, 30 anos de idade, natural da cidade de Belo Horizonte em Minas Gerais, residia na Rua Venceslau Brás no Bairro Santo Antônio, foi executado sem chance de defesa, com seis tiros de pistola calibre 380 na região da cabeça, costas, e braços, de acordo com o perito criminal Otávio Domingos.

As informações colhidas no local da execução pela nossa reportagem, são de que FELIPE chegou em uma motocicleta tipo Yamaha de cor preta, placa OWB 2691 com registro na cidade de Mossoró, estacionou ao lado do Itep, desceu retirou à chave da ignição, momento em que os assassinos encostaram também em moto tipo Bros de cor vermelha, e efeturam os disparos que resultou na morte de Felipe no local do evento criminoso.
 
FELIPE, segundo informações, era investigado no latrocínio do dia 03 de junho corrente ano, fato ocorrido no Abolição II onde foi vítima HIROITO GONÇALVES FALCÃO, funcionário da Universidade Regional Estado do Rio Grande do Norte.

A vítima teria ido ao Itep para fazer pericia um exame de papiloscopia, coleta e análise de impressões digitais, solicitada pelo Delegado Luís Fernando da Delegacia Especializada em Furtos e Roubos de Mossoró, que investiga o latrocínio,  “Roubo seguido de morte”.

O delegado Rafael Arraes e sua equipe estiveram no local do crime, já dando inicio as investigações, colhendo informações e fazendo levantamento para chegar aos autores do homicídio. 

O corpo foi isolado pela policia militar e a remoção ficou por conta da equipe do ITEP, que cuidará da necropsia.
Equipe do ITEP/Recolhendo o corpo 

Nenhum comentário: