segunda-feira, 26 de junho de 2017

POLICIA MILITAR ATRAVÉS DO PELOTÃO DE UPANEMA DO 12º BPM PRENDE TRÊS ASSALTANTES APÓS PERSEGUIÇÃO E TROCA DE TIROS NA BR 110.


No inicio da noite de domingo, 25 de junho de 2017, três assaltantes armados de revolveres e rifle calibre 44, interceptaram um veículo tipo VAN com sacoleiros fato ocorrido na BR 226 entre as cidades de Messias Targino e Janduís, subtraindo no assalto toda mercadoria, além de pertences pessoas e dinheiro.
 
Na fuga os bandidos tomaram destino sentido Mossoró pela BR 110, mas no trecho da Ponte de Ferro entre a Cidade de Upanema e a BR 304, cruzou com a VTR de Upanema, abrindo fogo em direção da viatura.  Houve perseguição e revide por parte dos militares.

Foi solicitado apoio que de imediato se deslocaram para se juntar em apoio aos militares do Pelotão de Upanema na caça aos assaltantes, o Delta Sierra 04, Sargento Sóstenes, Coordenador de Policiamento do 12° BPM, sob o comando do Ten. Cel. Humberto Pimenta, ROCAM, viaturas da Força Tática, e GTO do 10°BPM de Assú, além da Rádio patrulha da cidade de Campo Grande, conseguindo prender os três assaltantes após capotarem o veículo. Um ficou preso as ferragens sendo retirado com ajuda do corpo de Bombeiros e socorrido pela viatura do SAMU.  Os outros dois foram presos.


Os militares conduziram os dois presos MANOEL SEBASTIÃO DE AQUINO, 21 anos, morador da Jeremias da Rocha no Bairro Santo Antonio, um menor em conflito com a lei de 16 anos, além de todo material recuperado no assalto aos sacoleiros, até a Delegacia de Policia Civil de Plantão em Mossoró, onde o delegado plantonista do dia em serviço, adotou os procedimentos de flagrante e legais dentro da lei em desfavor dos acusados O  terceiro assaltante identificado com PAULO HENRIQUE NUNES BARBOSA, 36 anos , residente em Natal, que se  encontra hospitalizado, mas não corre risco de morte. logo que for liberado pela equipe médica do HRTM, também será autuado e enquadrado na forma da lei.
Hospitalizado, mas será  enquadrado na forma da lei. 

Nenhum comentário: