domingo, 11 de março de 2018

AGRICULTOR MORRE ESMAGADO POR UMA PEDRA AO TENTAR RETIRAR UM TATU DE UM BURACO NA ZONA RURAL DE ALMINO AFONSO NO RN.

A prática de caçar tatu mesmo contra a lei, uma espécie já quase em extinção, que ainda permanece pelo nosso sertão nordestino, principalmente nas regiões serranas,  resultou na morte de um agricultor, fato ocorrido no Sítio Serra de São Miguel, na zona rural de Almino Afonso na madrugada deste domingo, 11 de março de 2.018.

Informações que o agricultor Igor Alves, de apenas 28 anos de idade, saiu de casa sábado (10) a noite para caçar tatu, juntamente com amigos.

Ao tentar retirar um tatu de dentro de um buraco, uma imensa pedra que estava fixada em cima do buraco onde o tutu havia se entrado, desabou caindo por cima do agricultou que terminou morrendo esmagado pela pedra.

A triste notícia se espalhou rapidamente por toda aquela região. Parentes, amigos, e familiares, lamentaram profundamente a morte prematura e inesperado de Igor, que segundo informações era uma pessoa que tinha um grande ciclo de amizades. 

O corpo de Igor foi examinado no Itep em Mossoró pelo médico legista de plantão, e entregue aos familiares para o sepultamento.

Fonte via telefone.
Foto - Arquivo pessoal.
Redação - Ferreira Monte.

Nenhum comentário: