terça-feira, 31 de julho de 2018

SARGENTO DA POLÍCIA MILITAR É BALEADO NO PEITO PELA PRÓPRIA ESPOSA POR NÃO PERMITIR QUE ELA OLHASSE MENSAGENS NO CELULAR DELE.

Um Sargento da Polícia Militar foi baleado durante a madrugada desta terça feira, 31 de julho de 2.018, pela própria esposa, fato registrado em Rondonópolis a 218 Km de Cuiabá.

Marcelo Gonçalves da Silva, de 43 anos de idade, não teria deixado a esposa dele, Ozélia Francisca Amaral, de 40 anos de idade, olhar as mensagens contidas no celular dele.

De acordo com o Boletim de Ocorrência da PM, o caso ocorreu durante a madrugada desta terça feira, por volta 01h.30mn, na residência do casal, no bairro Parque Rodolfo.

A própria mulher do sargento ligou para a polícia, e ela mesmo socorreu o marido. Ela contou aos policiais, que estava no quarto com o sargento, e que começaram a discutir por um motivo fútil. Ela disse que queria olhar as mensagens no celular dele, mas ele não deixou. Como eu insisti muito, ele se queixou, disse que não suportava mais essa situação, e que iria sair de casa.

O sargento estava deitado na cama, quando foi baleado pela mulher. Uma criança de 04 anos de idade, filho do casal, saiu correndo do quarto ao se assustar com o disparo.

Ozélia socorreu o marido e o levou até a base do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência, e de lá ele foi transferido para o Hospital Regional de Rondonópolis.

A polícia informou que a bala ficou alojada no peito do policial, que teve que passar por um procedimento cirúrgico de urgência.

A mulher foi detida e conduzida para a Delegacia de Polícia Civil de Rondonópolis. A arma do policial que estava em cima de um armário, uma pistola .40 foi apreendida pela polícia.


G I - Cuiabá.



Nenhum comentário: