quarta-feira, 24 de outubro de 2018

RADIALISTA QUE JÁ HAVIA SOFRIDO CINCO ATENTADOS E SETE TENTATIVAS DE HOMICÍDIO É MORTO A TIROS NO AGRESTE PARAIBANO.


O radialista Severino  Faustino Almeida, que era mais conhecido como Silvio Neto, de 43 anos de idade, foi morto a tiros, fato ocorrido durante a tarde desta quarta feira, 24 de outubro de 2.018, na cidade de Cubati, no bairro Serrinha, no agreste paraibano.

Silvio neto foi morto em casa, por dois indivíduos que chegaram dizendo que queriam conversar com ele para tratar de um assunto relacionado a uma emissora de rádio. Ele disse que não os conhecia, por isso não tinha interesse, momento em que um dos indivíduos puxou de uma arma de fogo, e efetuou vários disparos contra Silvio Neto, que faleceu no local do evento criminoso.

O comandante do segundo Batalhão de Polícia Militar da cidade, informou que o radialista já havia sofrido cinco atentados, e sete tentativas de homicídio, o que dificulta para a Polícia Civil, traçar  uma linha de investigação.

Silvio Neto foi candidato a vereador nas eleições municipais de 2.016 pelo município de Cubati, e teve 181 votos, não conseguindo um assento na Câmara Municipal da cidade.

Fonte e foto - Fala PB.
Redação - Ferreira Monte.

Nenhum comentário: