quinta-feira, 10 de janeiro de 2019

SOM ALTO PROVOCA DISCUSSÃO ENTRE VIZINHAS E TERMINA COM TRÊS MULHERES ESFAQUEADAS NA CIDADE DE POCINHOS NO AGRESTE PARAIBANO.

Residências onde moram  as mulheres que foram esfaqueadas, e o vizinho que as esfaqueou.

Três mulheres de uma mesma família, foram esfaqueadas em via pública, na Vila Ferroviária, no bairro Santa Terezinha na cidade de Pocinhos no agreste paraibano, fato ocorrido durante a noite de quarta feira, 09 de janeiro de 2.019. O acusado é um parente das vítimas que mora sozinho e vizinho as vítimas.

De acordo com a Polícia Civil, as mulheres foram esfaqueadas durante uma acirrada discussão entre as mulheres e o acusado, discussão essa provocada devido o volume alto de um aparelho de som.

Segundo a polícia, o agressor aguardou as vítimas saírem de dentro de casa, e as atacou. Primeiramente ele esfaqueou uma mulher de 45 anos de idade. Ao ouvir os gritos da mulher pedindo socorro, e filha dela, e a nora, correram para ajudá-la, e também terminaram sendo feridas a faca. Informações que a nora está grávida.

O criminoso só parou de bater nas mulheres e feri-las a golpes de faca, com a chegada de um homem que retirou as mulheres, depois de entrar em luta corporal com o agressor, que fugiu, mas terminou sendo preso pela Polícia Militar.

Uma pessoa disse que o elemento e as mulheres tinham uma rixa, exatamente por causa de um som alto. Ele ficava bebendo até altas horas da noite, com o som ligado, em todo o volume. Ninguém consegue dormir disse uma das mulheres.

Informações que a mulher de 45 anos de idade já recebeu alta do hospital. A que está grávida permanece internada, e o estado de saúde, segundo blogs da região e estável.  A terceira mulher mesmo ferida, não precisou de atendimento médico.

O elemento foi autuado por tentativa de homicídio, contra três pessoas, e lesão corporal. Depois de autuado foi encaminhado para o presídio da região.

Fonte - G I - PB.
Redação - Ferreira Monte.







Nenhum comentário: