segunda-feira, 28 de janeiro de 2019

ADOLESCENTE DE 16 ANOS É QUEIMADO PELA PRÓPRIA MÃE COM UM FERRO QUENTE DE MARCAR GADO NO INTERIOR DO ESTADO DO MARANHÃO.

Queimado pela própria mãe com um ferro quente de marcar gado.
Uma mulher de 52 anos de idade, mãe de um adolescente de 16 anos de idade, foi presa neste final de semana que passou, pela polícia da cidade de Monção no interior do estado do Maranhão, por ter queimado o próprio filho com um ferro quente, muito utilizado pelos vaqueiros para marcar o gado.

O caso ocorreu no Povoado de Santa Rita, na zona rural de Monção, e foi denunciado pelo Conselho Tutelar por maus tratos.

Em depoimento a polícia, a mãe do adolescente disse que ferrou o filho, porque ele furtou um pendrive dela, que ela tencionava vendê-lo para pagar um rapaz que fez uma tatuagem nas costa do adolescente, a pedido dela. Segundo a polícia, ela também agrediu o filho.

De acordo com funcionários do Conselho Tutelar, o caso será encaminhado para o Juizado da Infância e Juventude, onde será resolvido. 

Fonte e foto - G I - Maranhão.
Redação - Ferreira Monte.

Nenhum comentário: