terça-feira, 19 de março de 2019

O corpo de uma garota de 14 anos de idade, de nome Maria Heloize Vale da Silva, apresentando uma perfuração de projetil de arma de fogo,  amarrado com arame, e enrolado em um lençol, foi encontrado na noite de segunda feira, 18 de março de 2019, as margens da BR 406, no município de João Câmara no estado do Rio Grande do Norte.

O delegado que esteve no local onde o corpo foi encontrado, informou que existem duas linhas de investigação, para à elucidação do bárbaro crime.

A primeira, segundo o delegado, é atribuída ao namorado da vítima, em virtude do histórico de violência do rapaz, e, a segunda linha, é que membros de uma facção, teriam ido matar o namorado da garota, e como não o encontraram, terminaram matando Heloize, mas familiares informaram a polícia, que a garota vinha sendo ameaçada de morte.

O inquérito será instaurado pela Polícia Civil, para apurar o crime praticado com requintes de perversidade.

Fonte - GI RN.
Foto - Arquivo pessoal.
Alteração de texto - Ferreira Monte.


Nenhum comentário: